sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Títulos conquistados pelo Botafogo em 2011

compilado por Claudio Falcão

Estão aqui relacionados os títulos conquistados pelo Botafogo em 2011, bem como uma medalha de ouro em competição internacional obtida por atleta do Clube.

1 - Campeão da I Copa Internacional Rio-Líbano de Voleibol Adulto Masculino (invicto)
Último jogo: 03/03 – Ginásio Pedro Jahara, Teresópolis (RJ) – Botafogo 3 x 0 Université de Saint-Esprit de Kaslik (Líbano)

2 - Campeão do Torneio Início de Voleibol Infanto-Juvenil Masculino
Final: 19/03 – Ginásio do Botafogo F.R. – Botafogo 1 x 0 Tijuca T.C. (18x13)

3 - Campeão do Torneio Início de Futsal Sub-20
Final: 20/03 – Ginásio do América F.C. – Botafogo/Casa de España 3 x 1 São Cristóvão F.R.

4 - Medalha de Ouro nos 200 m nado de peito Juvenil A
24/03 – Lima (Peru) – Campeonato Sul-Americano Juvenil de Seleções – Larissa Simões, com o tempo de 2’45”00

5 - Campeão do I Torneio de Voleibol Pré-Mirim Feminino
Final: 26/03 – Ginásio do Fluminense F.C. – Botafogo 2 x 1 Fluminense F.C. (11x15, 15x8 e 15x11)

6 - Campeão do Torneio de Apresentação de Basquetebol Infantil Feminino
Final: 27/03 – Vila Olímpica da Mangueira – Botafogo 14 x 12 Mangueira

7 - Campeão da Taça Brasil de Futsal Sub-15
Final: 10/04 – Caxias do Sul (RS) – Botafogo/Casa de España 5 x 0 Santa Cruz F.C. (PE)

8 - Campeão da Taça Guanabara de Futebol Júnior (correspondendo ao primeiro turno do Campeonato Estadual)
Jogo do título: 10/04 – Caio Martins – Botafogo 1 x 0 C.R. Flamengo

9 - Campeão da Copa Brasil de Beach Soccer
Final: 22/05 – Centro Cultural dos Povos da Amazônia, Manaus (AM) – Botafogo 8 x 3 C.R. Vasco da Gama

10 - Campeão da Copa 80 Anos do Club Biguá de Polo Aquático Sub-17 (invicto)
Final: 29/05 – Montevidéu (Uruguai) – Botafogo 16 x 9 Stadio Italiano (Chile)

11 - Campeão Estadual de Inverno de Natação Infantil I
26/06 – Parque Aquático Júlio Delamare – 1.333 pontos

12 - Campeão Estadual de Futebol Júnior
Finais:
03/07 – Rua Bariri – Botafogo 2 x 0 Flamengo
09/07 – Los Larios, Xerém – Botafogo 1 x 1 Flamengo

13 - Campeão Carioca de Futsal Adulto
Finais:
10/07 – Botafogo/Casa de España 1 x 1 USS/Vassouras
17/07 – Complexo Esportivo Miécimo da Silva, Rio de Janeiro – Botafogo/Casa de España 2 x 2 USS/Vassouras; na prorrogação: 2 x 2 – Botafogo campeão beneficiado pelo confronto direto durante a competição

14 - Campeão Carioca de Futsal Sub-17
Finais:
10/07 – Local ? – Botafogo/Casa de España 5 x 3 Fluminense F.C.
17/07 – Complexo Esportivo Miécimo da Silva – Botafogo/Casa de España 0 x 4 Fluminense F.C; na prorrogação: Botafogo 2 x 1

15 - Campeão Carioca de Futsal Sub-15
Finais:
10/07 – Local ? – Botafogo/Casa de España 2 x 0 C.R Vasco da Gama
17/07 – Complexo Esportivo Miécimo da Silva – Botafogo/Casa de España 2 x 2 C.R. Vasco da Gama

16 - Bicampeão do Encontro Sul-Americano de Basquetebol Mirim Feminino (Sub-13)
22/07 – Novo Hamburgo (RS)

17 - Campeão da V Copa Revela Talentos de Futebol Juvenil (Sub-17) (invicto)
Final: 30/07 – Laranjal (MG) – Botafogo 2 x 2 Democrata, de Além Paraíba (MG); nos pênaltis: Botafogo 4 x 3

18 - Campeão da Copa Aquática de Polo Aquático Sub-15 Masculino (invicto)
Final: 21/08 – Lima (Peru) – Botafogo 12 x 4 Campo de Marte (Peru)

19 - Campeão da Copa Pré-Mirim de Voleibol Feminino (invicto)
Final: 01/10 – Barra Mansa (RJ)

20 - Campeão da Taça Paraná de Voleibol Mirim Feminino (invicto)
Final: 02/11 – Ginásio Tarumã 1, Curitiba (PR) – Botafogo 3 x 2 Fluminense F.C. (RJ)

21 - Campeão do Torneio Estadual de Basquetebol Sub-17 Feminino
Finais:
30/10 – Vila Olímpica da Mangueira – GRESEP Mangueira 55 x 57 Botafogo
01/11 – Ginásio Oscar Zelaya (Botafogo) – Botafogo ? x ? GRESEP Mangueira
02/11 – Vila Olímpica da Mangueira – GRESEP Mangueira 40 x 41 Botafogo

22 - Campeão Estadual de Basquetebol Sub-13 Feminino
Finais:
29/10 – Ginásio Oscar Zelaya (Botafogo) – Botafogo 50 x 49 S. Germânia
05/11 – Ginásio da S. Germânia (Gávea) – S. Germânia ? x ? Botafogo
06/11 – Ginásio Oscar Zelaya (Botafogo) – Botafogo 36 x 31 S. Germânia

23 a 27 - Campeão Estadual de Remo nas categorias Aberta, Aspirantes, Júnior A, Peso Leve e Infantil (total: 5 categorias)
6ª e última regata: 06/11 – Lagoa Rodrigo de Freitas

28 - Campeão Brasileiro de Polo Aquático de Praia Feminino
Final: 14/11 – Farol da Barra, Salvador (BA)
Também participaram: AABB (DF), 2º lugar e Clube Amazonense (AM), 3º lugar

29 - Campeão Estadual de Basquetebol Sub-19 Feminino
Finais:
02/12 – Vila Olímpica da Mangueira – GRESEP Mangueira 85 x 80 Botafogo
03/12 – Ginásio Oscar Zelaya (Botafogo) – Botafogo 67 x 65 GRESEP Mangueira
04/12 – Vila Olímpica da Mangueira – GRESEP Mangueira 41 x 63 Botafogo

30 - Campeão Estadual de Futsal Sub-13
Finais:
03/12 – Ginásio Miécimo da Silva – Botafogo/Casa de España 3 x 2 C.R. Vasco da Gama
11/12 – Maracanãzinho – Botafogo/Casa de España 2 x 0 C.R. Vasco da Gama

31 - Campeão Estadual de Futsal Adulto
Finais:
09/12 – Ginásio Miécimo da Silva – Botafogo/Casa de España 4 x 3 Macaé Sports
11/12 – Maracanãzinho – Botafogo/Casa de España 1 x 3 Macaé Sports (na prorrogação: Botafogo/Casa de España 2 x 1 Macaé Sports)

32 - Campeão Estadual de Futsal Sub-17
Finais:
03/12 – Ginásio Miécimo da Silva – Botafogo/Casa de España 1 x 1 C.R. Vasco da Gama
11/12 – Maracanãzinho – Botafogo/Casa de España 3 x 2 C.R. Vasco da Gama

33 - Campeão Estadual de Voleibol Juvenil Masculino
Finais:
20/12 – Ginásio Oscar Zelaya (Botafogo) – Botafogo 3 x 1 C.R. Flamengo (25x14, 23x25, 25x20 e 25x20)
22/12 – Ginásio da Gávea – C.R. Flamengo 1 x 3 Botafogo (25x23, 19x25, 18x25 e 23x25)

34 - Campeão da I Liga Nacional de Futevôlei Masculino
Final: 23/12 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – Botafogo 2 x 0 Fluminense F.C. (18x8 e 18x14)

[Fontes: sites oficiais do Botafogo F.R. e da CBDA.]

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

O Botafogo e os seus Títulos no Futebol de Primeiros Quadros

pesquisa de Pedro Varanda

CAMPEONATOS DO RIO DE JANEIRO [19]: 1907 - 1910 - 1912 - 1930 - 1932 - 1933 - 1934 - 1935 (tetra) - 1948 - 1957 - 1961 - 1962 (bi) - 1967 - 1968 (bi) - 1989 - 1990 (bi) - 1997 - 2006 - 2010 

TORNEIO INÍCIO DO RIO DE JANEIRO [8]: 1934 - 1938 - 1947 - 1961 - 1962 - 1963 (tri) - 1967 -1977

MUNICIPAIS [2]: 1951 - 1996

TAÇA GUANABARA [6]: 1967 - 1968 (bi) - 1997 - 2006 - 2009 - 2010 (bi)

TAÇA RIO [7]: 1975 (*) - 1976 (**) - 1989 - 1997 - 2007 - 2008 (bi) - 2010

TORNEIOS INTERESTADUAIS (Rio-São Paulo) [5]: 1931 (***) - 1962 - 1964 - 1966 - 1998

BRASILEIROS [2]: 1968 (Taça Brasil) - 1995

TORNEIOS INTERNACIONAIS [21]: 1960 - Quadrangular de Bogotá; 1961 - Triangular Internacional da Costa Rica; 1962 - Pentagonal do México; 1963 - Torneio de Paris; 1964 - Torneio Jubileu de Ouro da Associação de Futebol (La Paz); 1964 - Quadrangular do Suriname; 1966 - Taça Círculo de Periódicos Esportivos / Copa Imprensa (Caracas); 1966 - Taça Carranza de Buenos Aires; 1967 - Triangular de Caracas; 1968 - Hexagonal do México; 1970 - Triangular de Caracas; 1984 - Torneio de Genebra; 1985 - Torneio de Berna (Philips Cup); 1986 - Pentagonal da Costa Rica; 1988 - Taça Cidade Palma de Mallorca; 1990 - Torneio da Amizade (Veracruz - México); 1993 - Copa CONMEBOL (Sul-Americana); 1994 - Triangular Internacional Eduardo Paes (Rio de Janeiro); 1996 - President of Alaniya Cup (Vladikavkaz); 1996 - Taça Teresa Herrera (La Coruña); 2008 - Copa Peregrino (Rio de Janeiro).

OUTRAS CONQUISTAS [9]: 1951 - Triangular de Porto Alegre; 1954 - Quadrangular Interestadual (RJ); 1964 - Torneio Governador Magalhães Pinto (Belo Horizonte); 1966 - Quadrangular de Teresina; 1974 - Torneio Independência do Brasil (DF); 1976 - Torneio Ministro Ney Braga (AM-PA); 1983 - Torneio 23° Aniversário de Brasília (Taça Governador José Ornellas); 1995 - Torneio da Capital (Copa Rio); 1996 - Copa Rio-Brasília.

Notas:
(*) - Em 1975 – Taça Augusto Pereira da Motta.
(**) - Em 1976 – Taça José Wânder Rodrigues Mendes.
(***) Organizado pela AMEA (Associação Metropolitana de Esportes Athleticos) e APEA (Associação Paulista de Esportes Athleticos). Campeão do Rio de Janeiro (Botafogo) contra o campeão de São Paulo (Corinthians), ambos de 1930.

TOTAL = 79 TÍTULOS.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Botafogo Campeão da Edição de 1951 do Troféu Brasil de Atletismo

pesquisa de Claudio Falcão

Depois de vencer as duas edições do Troféu Brasil de Atletismo realizadas em 1950 e cerca de dois meses antes de conquistar o tetracampeonato carioca de atletismo masculino, o Botafogo sagrou-se no final de setembro, no estádio do Fluminense F.C., campeão da edição de 1951 do Troféu Brasil.

Ficou assim a classificação dos clubes disputantes:

Masculino:
1º lugar – Botafogo F.R. – 158 pontos
2º lugar – C.R. Vasco da Gama – 104 pontos
3º lugar – São Paulo F.C. – 94 pontos

Feminino:
1º lugar – Fluminense F.C. – 82 pontos
2º lugar – E.C. Pinheiros – 55 pontos
3º lugar – C.R. Tietê – 38 pontos
6º lugar – Botafogo F.R. – 22 pontos

Juvenil:
1º lugar – E.C. Pinheiros – 43 pontos
2º lugar – Fluminense F.C. – 30 pontos
3º lugar – C.A. Paulistano – 24 pontos
4º lugar – Botafogo F.R. – 14 pontos

Classificação Geral:
1º lugar (campeão) – Botafogo F.R. – 194 pontos
2º lugar – Fluminense F.C. – 174 pontos
3º lugar – E.C. Pinheiros – 129 pontos

Obs.: A 2ª disputa do Troféu Brasil referente a 1950 ocorreu em São Paulo, a 11 e 12/11, sagrando-se vitorioso o BFR, que já havia conquistado a 1ª disputa do ano, esta realizada no estádio do Fluminense F.C. Classificação final da 2ª disputa de 1950: 1º lugar – Botafogo F.R.; 2º – São Paulo F.C.; 3º – E.C. Pinheiros; 4º – C.R. Vasco da Gama; 5º – Fluminense F.C.; 6º – C.R. Tietê.

[Fontes: Jornal do Brasil, de 14/11/1950 e de 02/10/1951; Revista ‘Grandes Clubes Brasileiros’ – Botafogo (1972).]

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Botafogo Campeão Carioca (Tetra) de Atletismo Masculino de 1951

pesquisa de Claudio Falcão

Em 04 e 05 de novembro de 1950, com mais uma vitória de Raymundo Dias Rodrigues na disputa do decatlo, o Botafogo conquistara o tricampeonato carioca masculino de atletismo, no estádio do Fluminense F.C., ficando este último com o vice-campeonato e o C.R. Flamengo com a 3ª colocação.


E em 1951 o Glorioso coroou a belíssima campanha do tetracampeonato com os seguintes resultados conquistados por seus atletas.

1ª parte (11/11 – estádio do Fluminense F.C.):

Arremesso de peso:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 14,17m

1.500m rasos:
1º lugar – Ricardo B. da Silva, com 4’08”3
3º lugar – Marcelino Guanabara

100m rasos:
1º lugar – Hélio C. da Silva, com 10”8
2º lugar – Alexandre P. Neto

Salto em altura:
2º lugar – Adílton Luz, com 1,85m
3º lugar – Geraldo de Oliveira, com 1,80m

400m rasos:
2º lugar – João de Oliveira, com 48”8

5.000m:
1º lugar – Geraldo Carneiro Felipe, com 15’50”4

Revezamento 4x100m rasos:
1º lugar – equipe do Botafogo, com 43”3

Arremesso de dardo:
1º lugar – Miguel B. da Silva, com 53,16m
3º lugar – Raymundo Rodrigues, com 50,44m

Salto em distância:
1º lugar – José Carlos P. da Silva, com 7,12m
2º lugar – Aylton da Conceição, com 6,89m

2ª parte (18/11 – estádio do Fluminense F.C):

Arremesso de martelo:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 48,30m

3.000m:
1º lugar – Marcelino Guanabara, com 9’17”4

400m com barreiras:
2º lugar – Genário Simões, com 57”8

800m rasos:
1º lugar – Ricardo B. da Silva, com 1’56”3
3º lugar – João Oliveira, com 1’57”5

Salto com vara:
2º lugar – Fausto de Souza, com 3,80m
3º lugar – Raymundo Rodrigues, com 3,70m

Arremesso de disco:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 44,78m

10.000m:
1º lugar – Geraldo Caetano Felipe, com 33’27”9

Salto triplo:
1º lugar – Hélio Coutinho da Silva, com 15,99m (recorde carioca); nota: o recorde mundial era de Ademar Ferreira da Silva, com 16,01m
2º lugar – Geraldo de Oliveira, com 14,88m

Revezamento 4x400m:
3º lugar – equipe do Botafogo, com 3’31”3

Obs.: Com estes resultados o Botafogo garantiu antecipadamente o tetracampeonato carioca.

3ª parte (24 e 25/11):

Decatlo:
1º lugar – Raymundo D. Rodrigues
3º lugar – Fausto de Souza

Colocação final do campeonato de 1951:
1º lugar (tetracampeão) – Botafogo F.R.
2º lugar (vice) – C.R. Vasco da Gama
3º lugar – C.R. Flamengo
4º lugar – Fluminense F.C.

[Fontes: Jornal do Brasil, de 07/11/1950 e de 13/11, 20/11 e 27/11/1951.]

domingo, 11 de dezembro de 2011

Botafogo/Casa de España Campeão Estadual de Futsal Adulto de 2011

pesquisa de Claudio Falcão

(Crédito da foto: Rodrigo Paradella/BFR)

A equipe do Botafogo/Casa de España conquistou neste domingo no Maracanãzinho o título de campeã estadual de futsal adulto de 2011, numa acirrada disputa com a representação do Macaé Sports, só definida na prorrogação, quando o Alvinegro triunfou pelo placar de 2 a 1.

Vejam alguns detalhes da campanha:

Semifinais:
30/11 – Botafogo/Casa de España 4 x 1 C.R. Vasco da Gama
05/12 – Botafogo/Casa de España 7 x 1 C.R. Vasco da Gama
Local: Ginásio Miécimo da Silva.

Finais:
09/12 – Botafogo/Casa de España 4 x 3 Macaé Sports
Local: Ginásio Miécimo da Silva.
11/12 – Botafogo/Casa de España 1 x 3 Macaé Sports; na prorrogação: Botafogo/Casa de España 2 x 1 Macaé Sports
Local: Maracanãzinho.
Gols do Botafogo: André (no tempo regulamentar); Pedro Rei e Leco (na prorrogação).
Técnico: Mauricinho.

[Fontes: site oficial do Botafogo F.R. e SporTV.]

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Botafogo Campeão do Torneio Início de Futebol Profissional de 1938

pesquisa de Pedro Varanda

Em 1938 o Botafogo sagrou-se campeão do Torneio Início do Rio de Janeiro de Futebol Profissional. Assim desenrolou-se a campanha vitoriosa do Alvinegro:

1938
10/ 04/1938 – Laranjeiras
BOTAFOGO 2 x 0 BANGU
Árbitro: José Ferreira Lemos (“Juca da Praia”)
Gols: Carvalho Leite e Lara
Botafogo: Aymoré Moreira, Lino e Bibi; Zezé Moreira, Del Popolo e Canalli; Pascoal, Lara, Carvalho Leite, Nélson Juliani e Otto
Bangu: Walter, Mário e Armando “Pará”; Nadinho, Rodrigo e Leitão; Sobral, Lula, Bahiano, Estanislau e Benedicto “Bituca”

BOTAFOGO 2 x 1 VASCO DA GAMA
Árbitro: Carlos de Oliveira Monteiro (“Tijolo”)
Gols: Carvalho Leite (2) (Botafogo); Orlando (Vasco da Gama)
Botafogo: Aymoré Moreira, Lino e Bibi; Zezé Moreira, Del Popolo e Canalli; Pascoal, Lara, Carvalho Leite, Nélson Juliani e Otto
Vasco da Gama: Rey, Florindo e Poroto; Oscarino, Zarzur e Colocero; Armandinho, Alfredo, Bahia, Gabardo e Orlando

BOTAFOGO 3 x 2 SÃO CRISTÓVÃO
Árbitro: Guilherme Gomes
Gols: Carvalho Leite (2) e Pascoal (Botafogo); Nélson e Carreiro (São Cristóvão)
Botafogo: Aymoré Moreira, Lino (Zarcy) e Bibi; Zezé Moreira, Del Popolo (Luciano) e Canalli; Pascoal, Lara, Carvalho Leite, Nélson Juliani e Otto.
São Cristóvão: Yustrich, Hernandez e Salvador; Ivan, Dodô e Archimedes; Vicente, Hugo, Nélson, Nestor e Carreiro (Pichim)
Obs.: 1) Segundo o Jornal do Brasil, ao invés de Salvador atuou Oswaldo; 2) Botafogo, campeão do Torneio Início.

Os campeões de 1938:
1. Aymoré Moreira
2. Lino Ribeiro Gonçalves
3. Bibi – Felippe Jorge
4. Zezé Moreira – Alfredo Moreira Júnior
5. Salvador Del Popolo
6. Heitor Canalli
7. Pascoal de Gregório
8. João Rodrigues Lara
9. Carlos Antônio Dobbert de Carvalho Leite
10. Nélson Juliani
11. Otto Willmann
Zarcy Morse de Moraes
Luciano de Souza
Técnico: Carlos (“Carlito”) Martins da Rocha

[Fontes: A Noite e O Jornal.]

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Participações do Botafogo nos Torneios Inícios de Futebol de 1932, 1933 e 1934

pesquisa de Pedro Varanda e Walter Íris


1932
17/04/1932 – São Januário
BOTAFOGO 0 x 0 FLUMINENSE
Decisão nos escanteios: Botafogo 1 a 0
Árbitro: Luiz Neves
Botafogo: Victor, Rodrigues e Hermes; Affonso, Martim e Canalli; Álvaro, Almir, Carvalho Leite, Nilo e Celso
Fluminense: Velloso, Edelberto e Albino; Cabral, Demósthenes e Ivan Mariz; De Mori, Betinho, Amaury, Cícero e Gaúcho

BOTAFOGO 1 x 0 CARIOCA
Árbitro: João Luiz Ferreira
Gol: Álvaro
Botafogo: Victor, Rodrigues e Hermes; Affonso, Martim e Canalli; Álvaro, Almir, Carvalho Leite, Nilo e Celso
Carioca: Princeza, Ethero e Tuíca; Alcides, China e Nestor “Batistaca”; Manuelzinho, Anthero, Gentil, Carijó e Jarbas

BOTAFOGO 1 x 0 OLARIA
Árbitro: Oswaldo Travassos
Gol: Nilo
Botafogo: Victor, Rodrigues e Hermes; Affonso, Martim e Canalli; Álvaro, Almir, Carvalho Leite, Nilo e Celso
Olaria: Amaury, Nicanor e Alfredo; Theodomiro, Moacyr e Claudionor; Horácio, Dodô, Jorge, Correia e Pierre

VASCO DA GAMA 1 x 0 BOTAFOGO
Árbitro: Luiz Neves
Gol: Rodrigues (contra), em chute de Paes (‘DN’ e ‘JS’), na prorrogação, com os refletores acesos
Vasco da Gama: Marques, Domingos e Itália; Gringo, Mamão e Lino; Paschoal, Almeida, Paes, Bahia e Odyr
Botafogo: Victor, Rodrigues e Hermes; Affonso, Martim e Canalli; Álvaro, Almir, Carvalho Leite, Nilo e Celso.
Obs.: Segundo ‘O Jornal’, o tento foi de Paschoal.

1933
09/04/1933 – Figueira de Mello e 16/04/1933 – General Severiano
BOTAFOGO 2 x 0 ARGENTINO
Data: 09/04
Árbitro: Walter Bradley.
Gols: Jayme e Pirica.
Botafogo: Victor, Hermes e Rogério; Affonso, Waldyr e Pamplona; Cartolano, Armando, Jorge Lemos “Bolinha”, Jayme e Pirica
Argentino: Mello, Silveira e França; Caldas, Jayr e Pedro; Moacyr, Ferreira, Luiz, Virgílio e Cardoso

BOTAFOGO 0 x 0 EVEREST
Decisão nos escanteios: Botafogo 1 a 0
Data: 16/04
Árbitro: Guilherme Gomes
Botafogo: Germano, Hermes e Rogério; Affonso, Waldyr e Pamplona; Moura Costa, Nilo, Carvalho Leite, Jayme e Pirica
Everest: Nonô, Vadinho e Pituca; Carlinhos, Álvaro e Teixeira; José, Beto, Pinto, João e Sylvio

BOTAFOGO 3 x 0 MAVILIS
Data: 16/04
Árbitro: Newton Caldas
Gols: Jayme (3)
Botafogo: Germano, Hermes e Rogério; Affonso, Waldyr e Pamplona; Moura Costa, Nilo, Carvalho Leite, Jayme e Pirica
Mavilis: Martins, Genaro e Augusto; Neném, Silvério e Procópio; Alvinho, Aragão, Herves, Pisca e Antoninho
Obs.: Segundo outra fonte, atuaram China e Baguette nos lugares de Martins e Augusto, respectivamente.

BOTAFOGO 2 x 0 ANDARAHY
Data: 16/04
Árbitro: João Luiz Ferreira
Gols: Jayme e Nilo
Botafogo: Germano, Hermes e Rogério; Affonso, Waldyr e Pamplona; Moura Costa, Nilo, Carvalho Leite, Jayme e Pirica
Andarahy: Ademar, Rodrigues e Dondon; Ferro, Bethuel e Rocha; Chagas, Bahiano, Romualdo, João “Bianco” e Palmier

SÃO CRISTÓVÃO 2 x 1 BOTAFOGO
Data: 16/04
Árbitro: João Luiz Ferreira
Gols: Black e Carreiro (São Cristóvão); Pamplona (Botafogo)
São Cristóvão: Francisco, Domingos e Zé Luiz; Betinho, Dodô e Mário; Reis, Bahianinho, Black, Cebinho e Carreiro
Botafogo: Germano, Hermes e Rogério; Affonso, Waldyr e Pamplona; Moura Costa, Nilo, Carvalho Leite, Jayme e Pirica

Carvalho Leite, grande artilheiro botafoguense

1934
01/04/1934 – Barão de São Francisco Filho
BOTAFOGO 2 x 1 ANDARAHY
Árbitro: Carlos de Souza Carvalho
Gols: Carvalho Leite (2) e ?
Botafogo: Germano, Vicente e Orlando Serpa; Affonso, Waldyr e Long; Áttila, Beijinho, Carvalho Leite, Jayme e Pirica
Andarahy: Victor, João Rocha e José Veras; Venerotti, Bethuel e Álvaro; Climério “Mellinho”, Palmier, Júlio, José Ávila e Floriano

BOTAFOGO 2 x 0 PORTUGUESA
Árbitro: Leonardo Gonçalves Teixeira
Gols: Carvalho Leite (2)
Botafogo: Germano, Vicente e Orlando Serpa; Affonso, Waldyr e Long; Áttila, Beijinho, Carvalho Leite, Jayme e Pirica
Portuguesa: Nogueira, Antônio Ribeiro e Nélson Santos; Noé, Nestor “Batistaca” e Edmundo “Tainha”; José “Juquinha”, João Dias, Arnaldo, Waldemar e Cardoso

BOTAFOGO 1 x 0 MAVILIS
Árbitro: Sebastião de Campos Cesário
Gol: Pirica
Botafogo: Germano, Vicente e Orlando Serpa; Affonso, Waldyr e Long; Eloy, Beijinho, Carvalho Leite, Jayme e Pirica
Mavilis: Antônio “Ninho”, Alfredo “Polaco” e Genaro; Silvério, Emmanuel Alô e Antônio Parreira; João Alô, Augusto “Pisca”, Ary, Freire e Motta Filho “Antoninho”
Obs.: 1) Vitória obtida na prorrogação; 2) Botafogo, campeão do Torneio Início; 3) Emmanuel Alô (médio), Antônio Toste Parreira = Antônio II (médio-esquerdo), João Nepomuceno Alô (atacante), Augusto Fernandes “Pisca” (atacante), João Freire Laranjeiras (atacante e médio) e Antônio da Motta Filho “Antoninho” (atacante), atletas do Mavilis F.C.

Os campeões de 1934:
1. Germano Boettcher Sobrinho
2. Vicente Paulo Mattos da Graça
3. Orlando Serpa Barcellos
4. Affonso Azevedo Carneiro
5. Waldyr – Walter Guimarães
6. John Charles Long Júnior
7. Áttila de Carvalho
8. Beijinho – Benjamim Silva Filho
9. Carlos Antônio Dobbert de Carvalho Leite
10. Jayme Terra
11. Pirica – Alberto Piragibe Lyra de Lemos
Eloy Esteves
Técnico: Armindo Nobs Ferreira

[Fontes: Correio da Manhã, Carlos Antônio Dobbert de Carvalho Leite, Jornal dos Sports, O Jornal e O Futebol no Botafogo.]

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Botafogo Campeão Carioca (Bi) de Atletismo Masculino de 1949

pesquisa de Claudio Falcão

Em 1949 o Botafogo repetiu o feito do ano anterior, conquistando, por conseguinte, o título de bicampeão carioca de atletismo masculino. Na sequência, como foi dito na postagem anterior, o tetracampeonato seria alcançado em 1951.

Nadim Severo Marreis, medalha de ouro
no lançamento de peso, martelo e disco 

Como em 1948, a disputa foi dividida em três etapas, seguindo-se a informação das provas, com as colocações obtidas pelos atletas do Glorioso.

1ª parte (17/09 – pista do Fluminense F.C.):

Arremesso de peso:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 14,19m
6º lugar – Horst Roessel

1.500m rasos:
2º lugar – Ricardo Baptista, com 4’17”6
3º lugar – Erinaldo Coutinho
4º lugar – Jorge Eugênio

110m com barreiras:
4º lugar – Raymundo Dias Rodrigues
6º lugar – Sérgio Passos Filho

100m rasos:
2º lugar – Hélio Coutinho da Silva, com 10”8
3º lugar – Alexandre Pereira Neto

400m rasos:
1º lugar – Rosalvo Costa Ramos, com 49”0
4º lugar – Angelino de Oliveira

Salto em altura:
1º lugar – Adílton Luz, com 1,95m (recorde carioca e brasileiro)
2º lugar – Geraldo de Oliveira, com 1,85m
4º lugar – José I. Marques

Arremesso de dardo:
1º lugar – Miguel B. da Silva, com 53,49m
6º lugar – Josias de Araújo

Salto em distância:
1º lugar – Geraldo de Oliveira, com 7,12m
2º lugar – Hélio Coutinho da Silva, com 6,85m

Revezamento 4x100m rasos:
2º lugar – equipe do Botafogo (Rosalvo, Edgard, Neto e Hélio)

2ª parte (25/09 – estádio do C.R. Vasco da Gama):

3.000m:
2º lugar – Erinaldo Coutinho, com 9’56”9
4º lugar – Jorge Eugênio

Salto triplo:
1º lugar – Hélio Coutinho da Silva, com 14,72m
2º lugar – Geraldo de Oliveira, com 14,52m

400m com barreiras:
3º lugar – Genário Simões
4º lugar – Darcy Galeli Machado
6º lugar – Sérgio Passos Filho

200m rasos:
2º lugar – Alexandre Pereira Neto, com 22”7

Arremesso de martelo:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 41,54m
6º lugar – Sérgio Passos Filho

800m rasos:
3º lugar – Aldo Leão de Souza
4º lugar – Rosalvo Costa Ramos
5º lugar – Ricardo Baptista

10.000m:
1º lugar – Geraldo Caetano Felipe, com 34’02”6
3º lugar – Erinaldo Coutinho
5º lugar – José Alan Kardec de Oliveira

Arremesso de disco:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 43,95m
6º lugar – Horst Roessel

Revezamento 4x400m rasos:
2º lugar – equipe do Botafogo

Salto com vara:
1º lugar – Raymundo Rodrigues, com 3,80m

3ª parte (08 e 09/10 – estádio do Fluminense F.C.):

5.000m:
1º lugar – Geraldo Caetano Felipe, com 16’08”4
4º lugar – José Alan Kardec de Oliveira

Decatlo:
1º lugar – Raymundo Dias Rodrigues, com 5.962 pontos
2º lugar – Geraldo de Oliveira, com 5.743 pontos
6º lugar – Jarvel Benck, com 5.074 pontos

Contagem final:
1º lugar (campeão) – Botafogo F.R., com 280 pontos
2º lugar (vice) – C.R. Vasco da Gama, com 266,5 pontos
3 º lugar – Fluminense F.C.
4º lugar – C.R. Flamengo

Treinador campeão: Ernani Costa.

Nota: Tal como no ano anterior, o campeonato feminino foi conquistado pelo Fluminense F.C., ficando com o vice-campeonato o Botafogo F.R. e com o 3º lugar o C.R. Vasco da Gama.

[Revista Botafogo, nº 86, de novembro/1949.]

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Botafogo Campeão Carioca de Atletismo Masculino de 1948

pesquisa de Claudio Falcão


Após o título carioca de 1933, ainda na época do Botafogo F.C., o Alvinegro voltaria a conquistar o título máximo do atletismo do Rio de Janeiro em 1948, ano em que iniciaria a série que culminou com um tetracampeonato (1948-49-50-51).

A disputa de 1948 ocorreu em três etapas, seguindo-se a informação das provas, com as colocações obtidas pelos atletas do Glorioso.

1ª parte (17/10 – estádio do Fluminense F.C.):

Arremesso de peso:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 13,47m
5º lugar – Miguel B. da Silva, com 12,06m

Salto em altura:
1º lugar – Adílton A. Luz, cm 1,85m
3º lugar – Amarílio P. L. Pereira, com 1,80m
5º lugar – José I. Marques

110m com barreiras:
5º lugar – Raymundo Rodrigues

100m rasos:
1º lugar – Ivan Zanoni Hausen, com 10”9/10
2º lugar – Hélio Coutinho da Silva
3º lugar – Edgard Augusto dos Santos, com 11”1/10

1.500m rasos:
6º lugar – Angelino Oliveira

400m rasos:
1º lugar – Rosalvo da Costa Ramos, com 49”2/10
4º lugar – Aldo Leão de Souza
5º lugar – David Geremberg

Salto em distância:
1º lugar – Hélio Coutinho da Silva, com 6,79m

5.000m:
1º lugar – Geraldo Caetano Felipe, com 16’27”9/10

Arremesso de dardo:
2º lugar – Miguel B. da Silva, com 52,66m

Revezamento 4x100m:
1º lugar – BFR (Alexandre Pereira Neto, Edgard Santos, Hélio Coutinho da Silva e Ivan Zanoni Hausen), com 42”4/10

2ª parte (24/10 – estádio do C.R. Vasco da Gama):

3.000m:
6º lugar – Elias Bogosian

800m rasos:
1º lugar – Rosalvo da Costa Ramos, com 1’58”1
3º lugar – Jarvel Benck, com 2’03”1
4º lugar – David Geremberg

Salto triplo:
1º lugar – Hélio Silva, com 14,05m
2º lugar – Renato E. Nascimento, com 13,67m
4º lugar – Amarílio Pereira, com 13,41m

Arremesso de martelo:
4º lugar – Nadim Severo Marreis, com 37,04m
6º lugar – Moysés de Figueiredo

200m rasos:
1º lugar – Alexandre Pereira Neto, com 21”3
3º lugar – Edgard Augusto Santos, com 22”1

Arremesso de disco:
1º lugar – Nadim Severo Marreis, com 43,33m
5º lugar – Ivair M. Reis, com 36,32m

Revezamento 4x400m:
1º lugar – BFR (Ivan Zanoni Hausen, Aldo, Edgard Santos e Rosalvo da Costa Ramos), com 3’23”0

Salto com vara:
1º lugar – Raymundo Rodrigues, com 3,60m

3ª parte (30 e 31/10 – estádio do C.R. Vasco da Gama):

Decatlo:
1º lugar – Raymundo Dias Rodrigues, com 5.571 pontos
2º lugar – Jarvel Benck, com 5.013 pontos
3º lugar – Edgard Santos, com 4.842 pontos

Contagem final:
1º lugar (campeão) – Botafogo F.R., com 254,5 pontos
2º lugar (vice) – C.R. Vasco da Gama, com 224,5 pontos
3 º lugar – Fluminense F.C., com 111 pontos
4º lugar – C.R. Flamengo, com 12 pontos

Treinador campeão: Ernani Costa.

Notas: 1) O campeonato feminino foi conquistado pelo Fluminense F.C., ficando com o vice-campeonato o Botafogo F.R. e com o 3º lugar o C.R. Vasco da Gama; 2) Os seguintes atletas representaram o Botafogo nos Jogos Olímpicos de Londres (1948): Alexandre Pereira Neto, Hélio Coutinho da Silva, Ivan Zanoni Hausen e Rosalvo da Costa Ramos.

[Fontes: Revista Botafogo nº 75, de dezembro/1948 e Jornal do Brasil, de 19/10, 26/10 e 02/11/1948.]

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Ciclismo no Botafogo (II)

pesquisa de Claudio Falcão (publicação simultânea no blog Mundo Botafogo)

Após artigo postado em 02/03/2011, no qual dávamos notícia de que o então Botafogo F.C. era filiado, nos anos 1930 (com certeza a partir de 1935), à Federação Metropolitana de Ciclismo, tendo, por exemplo, contado com representantes na disputa dos II e IV Circuitos Ciclísticos do Distrito Federal (1935 e 1938), podemos agora informar que, após a fusão com o ‘Regatas’, o nosso Alvinegro também se fez presente em competições ciclísticas.

Em 10 de dezembro de 1944 tivemos a disputa do XII Circuito de Ciclismo da Cidade do Rio de Janeiro, promovido pelo Ciclo Suburbano Club. Era de 74 km a distância da prova, com partida e chegada na Praça Mauá. Alinharam 48 concorrentes, dos quais 33 completaram o percurso. Venceu José Antunes Neto, da A.A. Portuguesa (2h21’23”), seguido de Joaquim Peixoto e José Guarnieri, ambos do C.R. Vasco da Gama. Manuel José Gaspar, do Botafogo F.R. classificou-se em 17º lugar.

Em relação ao Campeonato Carioca de Velocidade, ocorrido a 21 de janeiro de 1945, às margens da Lagoa Rodrigo de Freitas, assim se referiu o Jornal do Brasil aos ciclistas botafoguenses: “A turma do Botafogo F.R. que conta com elementos de real destaque nas lides do pedal carioca é também sério concorrente ao cobiçado título de campeão”. Ainda não logramos localizar o resultado da competição.

Para o Campeonato Carioca de Resistência, disputado no Campo de São Cristóvão, a 14 de outubro de 1945, estavam inscritos pelo Glorioso os seguintes ciclistas: Hervi Polo Villon, Antonio da Silva, Jorge da Silva, Arlindo Silva, Manuel José Gaspar e José Teixeira Dias. Nenhum deles chegou entre os nove primeiros colocados, segundo a classificação divulgada pelo JB.

E também contamos com representantes botafoguenses na Prova Ciclística "17 de Dezembro", realizada a 17 de dezembro de 1945, com patrocínio da A.A. Portuguesa e direção da Federação Metropolitana de Ciclismo. Seu vencedor foi Antônio Marques de Azevedo (A.A. Portuguesa), chegando em seguida José Antunes Neto (A.A. Portuguesa) e Joaquim Pereira (C.R. Vasco da Gama). Classificaram-se respectivamente em 6º, 7º e 10º lugares os ciclistas do Botafogo F.R. Alfredo Teixeira Dias, José Teixeira Dias e José da Silva.

Ainda não temos notícia de vitória de representante botafoguense em alguma prova ciclística, mas a participação de atletas alvinegros nessas disputas está sobejamente comprovada.

[Fontes: Jornal do Brasil, de 10 e 12/12/1944; 20/01/1945; 14 e 16/10/1945 e 18/12/1945.]

domingo, 6 de novembro de 2011

Lançamento do Livro 'Passos do Campeão'

O blog DataFogo alia-se à Livraria da Travessa, à Editora iVentura e ao autor Auriel de Almeida, para convidar o leitor a comparecer no próximo dia 21 de novembro ao lançamento do livro ‘Passos do Campeão’, contando mais uma página da gloriosa História do nosso Botafogo, desta vez enfocando a conquista da Taça Brasil de 1968.


Todo sucesso ao autor e aos editores!

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Em 1933 o Botafogo conquistou o Campeonato Carioca de Atletismo

pesquisa de Claudio Falcão

Em 1933 o então Botafogo F.C. conquistou o seu primeiro título de campeão no atletismo. Foi o Campeonato Carioca, realizado pela AMEA (Associação Metropolitana de Esportes Atléticos), disputado apenas por competidores do sexo masculino, cujas provas finais ocorreram a 24 de setembro na pista do Forte do Vigia, no Leme. Em segundo lugar classificou-se o S.C. Brasil.

Seguem as informações acerca das provas vencidas por atletas do Alvinegro:

Arremesso de peso:
1º lugar – Viriato Ferreira da Cruz, com 10,57m
2º lugar – Feliciano Pereira, com 10,24m

100m rasos:
1º lugar – Manuel Martins, com 11”1/5
2º lugar – Lauro Pinheiro Jamacaru
3º lugar – Raymundo Nonato

400m rasos:
1º lugar – Lauro Pinheiro Jamacaru, com 55”
2º lugar – Edgard Domingos Souza
3º lugar – Graciano Monteiro de Barros

1.500m:
1º lugar – José Domingos, com 4’31”
2º lugar – Ernani Costa
3º lugar – Waldemar Bessa

Salto em altura:
1º lugar – João Alberto Masó, com 1,72m
3º lugar – João Francisco Milanez
4º lugar – Arnaldo Carolo, com 1,55m

Arremesso de dardo:
1º lugar – Pedro Araújo Júnior, com 48,50m
4º lugar – Feliciano Pereira, com 42,18m

Revezamento 4x100m:
1º lugar – Botafogo, com 48”4/5

400m com barreiras:
1º lugar – Sebastião Martins, com 65”4/5

800m:
1º lugar – José Domingos, com 2’7”
2º lugar – Ernani Costa
3º lugar – Oliveiros Souza
4º lugar – Edgard Domingos Souza

Salto em distância:
1º lugar – João Francisco Milanez, com 6,45m
2º lugar – João Alberto Masó, com 6,29m

Arremesso de disco:
1º lugar – Viriato Ferreira da Cruz, com 30,96m
3º lugar – Feliciano Pereira, com 30,24m

200m rasos:
1º lugar – Manuel Martins, com 23”
2º lugar – Lauro Pinheiro Jamacaru
4º lugar – Edgard Domingos Souza

5.000m:
1º lugar – Claudionor José Lopes, com 18’25”
2º lugar – Aristides da Hora (*)
3º lugar – Waldemar Bessa
4º lugar – Edgard Souza
(*) – Informou assim o JB: “O campeão de fundo Aristides da Hora cedeu, na chegada, o 1º posto, a seu companheiro de clube, um gesto que foi bastante elogiado”. Aristides foi o vencedor da prova final dos 10.000m, realizada no mesmo local, a 17 de setembro.

Revezamento 4x400m:
1º lugar – Botafogo, com 3’54”

Resumo:
1º lugar (campeão) – Botafogo F.C., com 123 pontos
2º lugar (vice) – S.C. Brasil, com 25 pontos
3º lugar – Jardim F.C., com 9 pontos
4º lugar – Confiança A.C., com 5 pontos
5º lugar – River F.C., com 2 pontos
6º lugar – A.A. Portuguesa, com 1 ponto

Notas: 1) Todas as colocações informadas referem-se a atletas do Botafogo; 2) O Clube Alvinegro só não se classificou em 1º lugar em duas provas, nas quais não competiu: 110m com barreiras e salto com vara, ambas vencidas pelo atleta Sylvio Mário Guimarães Barreto, do S.C. Brasil; 3) O campeonato da Liga Carioca foi vencido pelo Fluminense F.C.

[Fonte: Jornal do Brasil, de 19 e de 26/09/1933.]

domingo, 30 de outubro de 2011

Medalhistas Botafoguenses no Pan 2011

pesquisa de Claudio Falcão

João Felipe, dirigente do BFR Caio Calumby e Henrique Moniz
(foto: BFR)

No polo aquático masculino, dois atletas do Botafogo F.R. conquistaram neste sábado no México medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos. São eles Henrique Moniz e João Felipe Coelho.

Segue a campanha do Brasil, com os gols assinalados pelos aquapolistas botafoguenses:

23/10 – Brasil 10 x 8 Argentina; Henrique Moniz, 2 gols e João Felipe, 1 gol.

24/10 – Brasil 5 x 8 USA; Henrique Moniz, 1 gol.

25/10 – Brasil 19 x 10 Venezuela; Henrique Moniz, 2 gols e João Felipe, 2 gols.

27/10 – Brasil 6 x 8 Canadá – SEMIFINAL; Henrique Moniz, 1 gol.

28/10 – Brasil 14 x 7 Cuba – MEDALHA DE BRONZE; Henrique Moniz, 2 gols e João Felipe, 1 gol.

[Fonte: site da CBDA.]

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Zé Carlos, Goleiro Olímpico

dados estatísticos e súmulas: pesquisa de Pedro Varanda; pesquisa e texto: Claudio Falcão


O antigo goleiro Zé Carlos, José Carlos Pessanha, nasceu em Campos dos Goytacazes (RJ) a 29 de abril de 1955. Foi 'cria da casa', campeão do Torneio de ‘Cadets’ de Croix (França) pelo Botafogo (1973), campeão pan-americano pela seleção brasileira (1975) e atleta olímpico (Montreal – 1976).

Zé Carlos atuou em 148 jogos pelo Botafogo F.R., nos profissionais. Foi campeão da Taça Augusto Pereira da Motta (2° turno do Campeonato Carioca de profissionais) e também da Taça José Gilberto Silveira (2° turno do Campeonato Carioca de juvenis – atuais juniores, sub-20), ambas em 1975.

Estreia de Zé Carlos nos profissionais do Botafogo:
BOTAFOGO 0 x 0 BONSUCESSO (RJ)
Data: 03/08/1974
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Competição: Campeonato Carioca
Botafogo: Zé Carlos, Nei Dias, Chiquinho Pastor, Nei Conceição e Marinho Chagas; Ademir Vicente, Marcos Aurélio e Dirceu; Nílson Dias, Fischer e Ferretti (Puruca).
Obs.: Estreia de José Carlos Pessanha, “Zé Carlos”.

Conquista da Taça Augusto Pereira da Motta:
BOTAFOGO 2 x 0 FLUMINENSE
Data: 15/06/1975
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Renda: Cr$988.680,00
Público: 55.978 pagantes
Árbitro: Arnaldo Cézar Coelho
Competição: Campeonato Carioca (Taça Augusto Pereira da Motta)
Gols: Ademir Vicente, aos 20’ (1° tempo) e Carlos Roberto, aos 13’ (2° tempo)
Botafogo: Zé Carlos, Miranda, C. Pastor, Artur e M. Chagas (Carbone), Carlos Roberto, Ademir Vicente e Dirceu; Cremílson, Puruca (Rogério) e Nílson Dias. Técnico: Zagallo
Fluminense: Félix, Toninho, Silveira, Assis (Edinho) e Marco Antônio; Zé Mário, Cléber e Erivelto; Cafuringa, Manfrini e Mário Sérgio. Técnico: Paulo Emílio
Obs.: 1) Botafogo, campeão da Taça Augusto Pereira da Motta (1975); 2) O Fluminense estava fora da disputa do título.

Jogo de Desempate (decisão da Taça José Gilberto Silveira de Juvenis, atuais Juniores, sub-20):
BOTAFOGO 2 x 0 VASCO DA GAMA
Data: 29/06/1975
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Renda: Cr$320.312,50
Público: 25.186
Árbitro: Arnaldo Cézar Coelho
Competição: Campeonato Carioca de Juvenis (decisão da Taça José Gilberto Silveira)
Gols: Antônio Carlos, aos 5’ e Tiquinho, aos 15’ (ambos no 2° tempo)
Botafogo: Zé Carlos, Beto, Carlos Eduardo, Toninho e Dodô; Artur, Bruno (Luizinho Rangel) e Mendonça; Zair, Antônio Carlos (Ricardo) e Tiquinho. Técnico: Joel Martins
Vasco da Gama: Samuel, Valdir, Argeu, Ulimar e Paulo César; Helinho, Zandonaide e Luís Carlos; Toió (Jorge), Sérgio e César (Rubens). Técnico: Pavão
Obs.: 1) Esse jogo foi na preliminar de Seleção Carioca 3 x 3 Seleção Mineira. Nos pênaltis, Seleção Mineira 5 a 4; 2) Botafogo, campeão da Taça José Gilberto Silveira.

Último jogo de Zé Carlos pelo Botafogo:
BOTAFOGO 0 x 2 VASCO DA GAMA
Data: 08/04/1979
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Competição: Campeonato Carioca Especial
Botafogo: Zé Carlos, Perivaldo, Osmar, Miltão e China; Chiquinho, Mendonça e Renato Sá; Gil, Luizinho Lemos e Dé.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Atletas do Botafogo nos XVI Jogos Pan-Americanos - Guadalajara - 2011

pesquisa de Claudio Falcão

Para os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara (México), cuja cerimônia de abertura ocorreu a 14 de outubro, o Botafogo F.R. cedeu os seguintes atletas:

Futebol
Alcides de Souza Faria Júnior (Cidinho), de 18 anos – meio-campo
Lucas de Lacerda Lima Gonçalves (Lucas Zen), de 20 anos – meio-campo
 
Cidinho e Lucas Zen
  

Henrique Moniz

João Felipe


Polo Aquático
Henrique Moniz de Carvalho e Miranda
João Felipe Lemgruber Coelho


Remo
Aílson Eráclito da Silva
Anderson Nocetti, ‘Macarrão’
Célio Dias Amorim
Cláudio Geovani Alves da Silva (timoneiro)
José Carlos Gonçalves Sobral Júnior
Thiago Almeida
Thiago Gomes
Obs.: 1) A remadora alvinegra Gabriela Mosqueira Benitez foi convocada para defender as cores de seu país natal, o Paraguai; 2) Também foi chamado para o selecionado brasileiro o técnico Alexandre Monteiro Fernandes Fernandez, ‘Xoxô’.

Remo do Botafogo no Pan 2011

[Fonte e crédito das fotos do futebol e remo: site oficial do Botafogo F.R.; crédito das fotos do polo aquático: site oficial do COB.]

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Homenagem às Crianças Botafoguenses

por Claudio Falcão

Na data em que se comemora o Descobrimento da América, sendo ainda o dia dedicado à Padroeira do Brasil, Nossa Senhora da Conceição Aparecida, bem como a data do 80º aniversário de inauguração do monumento ao Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, eleito em 2007 uma das sete maravilhas do mundo moderno, também comemora-se no Brasil o Dia da Criança.

E é aos pequenos torcedores botafoguenses, nosso maior patrimônio e garantia de uma grande torcida no futuro, que o DataFogo presta esta homenagem.
 
Grupo de estudantes no Rio de Janeiro, alguns vestidos com a camisa de seus
clubes, dentre os quais um torcedor do então Botafogo F.C. (ano de 1939)

Destaque para o pequeno torcedor da foto anterior, com
a camisa do ainda Botafogo Football Club (ano de 1939)
 
O 'menino' Manequinho, com a camisa do Glorioso, em foto do início
de 1958. Na base da escultura lê-se a inscrição 'goleada de campeão',
provavelmente em referência ao resultado da finalíssima do Campeonato
Carioca de 1957: Botafogo 6 x 2 Fluminense

Torcedor mirim, em 1962

Ainda em 1962, o garoto botafoguense
parece ser 'o dono da bola'

Pequeno torcedor completamente uniformizado,
posando ao lado da Taça Líder, em 1963
 
Em 1987 o torcedor mirim parece tentar alcançar
o tão esperado título que viria 2 anos depois

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Confrontos Botafogo F.R. x Independiente Santa Fé

pesquisa de Pedro Varanda

Na oportunidade dos confrontos entre Botafogo x Independiente Santa Fé (Colômbia) pelas oitavas-de-final da Copa Sul-Americana, julgamos oportuno publicar as súmulas e o retrospecto das partidas entre estas equipes, incluindo o jogo da última quinta-feira, lembrando que a partida de volta deverá ser realizada no próximo dia 25/10 em Bogotá.

BOTAFOGO 2 x 1 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 08/08/1954
Local: El Campín, Bogotá
Árbitro: Alfredo Cuezzo
Competição: Amistoso
Gols: Dino, aos 16’ e Moreno, aos 36’ (1° tempo); Paulinho, aos 38’ (2° tempo)
Botafogo: Gílson, Araty, Orlando Maia e Nílton Santos; Bob e Ruarinho; Garrincha, Paulinho (Richarde), Carlyle, Dino e Neyvaldo (Mangaratiba). Técnico: Gentil Cardoso
Independiente Santa Fé: Sánchez, Moyano e Marik, De La Hoz, Rossi e Wiesner; Pessarini, Moreno, Arango, Deibe e Quintero. Técnico: ?

BOTAFOGO 4 x 2 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 17/01/1960
Local: El Campín, Bogotá
Árbitro: Sr. Gallo
Competição: Torneio Internacional da Colômbia (Quadrangular de Bogotá)
Gols: Quarentinha (2), aos 9’ e 35’ (1° tempo); Bustamante, aos 11’, Paulinho Valentim, aos 19’, Amarildo, aos 32’ e Panzutto, aos 35’ (2° tempo)
Botafogo: Ernâni (Adalberto), Cacá, Zé Maria, Nílton Santos e Chicão (Ademar); Ayrton (Paulistinha) e Édison; Garrincha, Paulinho Valentim, Quarentinha e Zagallo (Amarildo). Técnico: Paulo Amaral
Independiente Santa Fé: Fernández, Alvarez (Aponte) e Milne; Sánchez, Acevedo e Silva; González, Campana, Panzzuto, Perazzo e Bustamante. Técnico: ?

BOTAFOGO 5 x 0 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 12/02/1961
Local: El Campín (Bogotá)
Competição: Amistoso
Gols: Amarildo (3), Quarentinha e Garrincha
Botafogo: Manga (Adalberto), Cacá, Zé Maria (Cetale), Nílton Santos (Paulistinha) e Rildo; Pampolini (Ayrton) e Didi (Édison); Garrincha (Neyvaldo), Amarildo (Amoroso), Quarentinha (China) e Zagallo

BOTAFOGO 3 x 1 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 15/08/1962
Local: Nemesio Camacho “El Campín”, Bogotá
Árbitro: Jesús Lires López
Competição: Amistoso
Gols: Reznik, aos 2’, Garrincha, aos 13’ (1° tempo); Amarildo, aos 13’ e Amoroso, aos 20’ (2° tempo)
Botafogo: Manga, Joel, Zé Maria, Nílton Santos e Rildo; Ayrton (Édison) e Didi; Garrincha, Quarentinha (Jairzinho, depois Amoroso), Amarildo (Canavieira) e Zagallo. Reservas: Ary Jório, Zé Carlos, Paulistinha, Édison, Canavieira, Jairzinho e Amoroso
Independiente Santa Fé: Montana, Garcia e Monseghne; Juarez, Pegnoti e Tovar; González, Perasso, Borrero, Reznik e Lencina
Obs.: Estrearam Jair Ventura Filho (Jairzinho) e Benedito Israel Ribeiro (Canavieira).

BOTAFOGO 1 x 2 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 17/01/1971
Local: El Campín (Bogotá)
Competição: Pentagonal da Colômbia
Gol: Roberto
Botafogo: Ubirajara Motta, Moreira, Chiquinho Pastor, Leônidas e Waltencir; Carlos Roberto e Nei Conceição (Torino); Zequinha (Rogério, depois Ferretti), Roberto, Jairzinho e Paulo Cézar
Fonte: El Tiempo, da Colômbia

BOTAFOGO 0 x 2 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 01/05/1988
Local: El Campín (Bogotá)
Competição: Amistoso
Botafogo: Gabriel, Melo, Jocimar, Mauro Galvão e Vítor; Carlos Alberto Santos, Marinho e Jéferson Gaúcho (Hélder); Luiz Cláudio (Marco Antônio Teixeira), Cláudio Adão e Gustavo (De Lima).

BOTAFOGO 1 x 1 INDEPENDIENTE SANTA FÉ
Data: 29/09/2011
Local: Stadium Rio (Engenhão), Rio de Janeiro
Árbitro: Enrique Osses (Chile)
Competição: Copa Sul-Americana
Gols: Omar Pérez, aos 8’ (1º tempo); Caio, aos 20’ (2º tempo)
Botafogo: Renan, Alessandro, Antônio Carlos, Gustavo e Márcio Azevedo (Elkeson); Lucas Zen, Somália, Felipe Menezes (Caio) e Everton; Alex (Thiago Galhardo) e Loco Abreu. Técnico: Caio Jr.
Independiente Santa Fé: Camilo Vargas, Alejandro Bernal (Quintero), Centurión, Meza e Hugo Acosta; Juan Roa, Anchico (Rodas), Bedoya e Copete; Omar Pérez e Sérgio Galván (Vélez). Técnico: Wilson Gutiérrez
Obs.: O Botafogo iniciou a partida somente com dois jogadores titulares (Antônio Carlos e Loco Abreu), entrando outro titular (Elkeson) no 2º tempo.

Resumo:
J – 7; V – 4; E – 1; D – 2; GP – 16; GC – 9; S – 7.

[Fontes: Boletim do Botafogo F.R., Correio da Manhã, Departamento de Futebol do Botafogo F.R., El Tiempo (da Colômbia), Jornal do Brasil, Lance!, O Estado de S. Paulo, O Globo e O Jornal.]

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Paulo Sérgio, Nosso Goleiro na Copa de 1982

pesquisa de Pedro Varanda


O goleiro Paulo Sérgio de Oliveira Lima, nascido no Rio de Janeiro (RJ) a 24 de julho de 1954, fez 219 jogos pelo Botafogo, entre 1980 e 1984. Foi campeão do Torneio 23° Aniversário de Brasília / Taça Governador José Ornellas (1983) e do Torneio de Genebra (1984). Atuou na Seleção Brasileira, tendo sido convocado para a Copa do Mundo de 1982. Na década de 1990 destacou-se também competindo pela Seleção Brasileira de Futebol de Areia.

Estreia de Paulo Sérgio no Botafogo:
BOTAFOGO 2 x 0 VOLTA REDONDA
Data: 03/02/1980
Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda
Árbitro: Reinaldo Farias
Assistentes: José Pedro Laureano e Daniel Andrade de Oliveira
Competição: Amistoso
Gols: Gil (2), aos 13’ e 32’ (2° tempo)
Botafogo: Borrachinha (Paulo Sérgio), Vanderlei Luxemburgo, Luís Cláudio, Renê (Miltão) e Carlos Alberto Batata; Wecsley, Ademir Lobo e Marcelo; Gil, Revelles (Luizinho Rangel) e Ziza (Bahia). Técnico: Paulo Amaral
Volta Redonda: Renato, Marreta (Valmir), Mauro Cruz, Edinho e Jorge Luís (Laurinho); Valdir (Toinho), Ademir e Betinho (Chiclete); Catatau, Coca e Paulo César. Técnico: João Francisco
Fontes: Botafogo F.R., Jornal do Brasil e Jornal dos Sports

Campeão do Torneio de Genebra:
BOTAFOGO 1 x 0 EVERTON (ING)
Data: 07 / 08 / 1984
Local: Stade des Charmilles (Genebra)
Árbitro: Galler
Competição: Torneio de Genebra (Botafogo campeão)
Gol: Paulo Guilherme, de cabeça, aos 40’ do 2° tempo
Botafogo: Paulo Sérgio, Josimar, Oswaldo, Paulo Guilherme e Wagner Pepeta; Ademir Fonseca, Ataíde e Berg; Robertinho, Baltazar e Helinho. Técnico: Humberto Rêdes
Everton: Southall, Harper, Hatcliff, Montfield e Bailey; Heath, Reid e Steven; Richardson, Sheedy (Marshall) e Curran. Técnico: ?
Fonte: Revista Botafogo, nº 244, de novembro de 1984

Último jogo de Paulo Sérgio pelo Botafogo:
BOTAFOGO 2 x 0 FRIBURGUENSE
Data: 21/10/1984
Local: Marechal Hermes, Rio de Janeiro
Competição: Campeonato Estadual
Gols: Alemão e Luizinho das Arábias
Botafogo: Paulo Sérgio, Josimar, Marinho, Brasília e Miranda (Wagner Pepeta); Ademir Fonseca, Alemão e Berg (Luizinho das Arábias); Robertinho, Baltazar e Helinho
Fontes: Botafogo F.R. e Jornal do Brasil